Geral 07/04/2017 - 09:06 - Fabiana Nogueira e Davino Lima/Governo do Tocantins

Cerca de 30 mil CNHs em novo formato foram emitidas pelo Detran nos primeiro três meses de 2017

CNH em novo formato CNH em novo formato - Google

Valendo desde o dia dois de janeiro desse ano, o novo modelo da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) já está nas mãos de 32 mil 409 condutores de todo o Tocantins, conforme dados estatísticos do Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran/TO). O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) criou vários dispositivos de segurança para impedir falsificações e adulterações do documento.

Somente em Palmas, o que inclui a sede do órgão e os Postos de Atendimento do Palmas Shopping, Taquaralto e Luzimangues, 1.389 CNHs referente à primeira Habilitação foram impressas. A Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Araguaína, região Norte do Estado, emitiu 989 unidades do documento também para a primeira habilitação.

A maior demanda de emissão de CNHs em novo formato foi para a renovação de exames, com 18 mil 577 solicitações na sede do Detran, Postos de Atendimento da capital e as 29 Ciretrans, no interior do Tocantins. Outra demanda importante foi para a CNH definitiva, onde 5.799 condutores trocaram a Permissão Para Dirigir (PPP), em todo o Estado.

A nova CNH está sendo impressa em papel de segurança especial com marca d’agua do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e a bandeira do Brasil. A parte superior da CNH possui três elementos em calcografia (impressão em relevo de segurança); o Brasão da República, fundo geométrico positivo com textos incorporados, micro letras positivas e negativas com falha técnica, além do mapa do Estado com a sigla incorporada. A cor do topo agora é preta e não mais azul esverdeada.

No lado esquerdo do documento, abaixo do Brasão, consta o mapa do Brasil com tinta especial de variação óptica, que dificulta a falsificação. O fundo geométrico positivo é composto por desenhos de linhas finas que criam efeitos geométricos diversos. A numeração tipográfica pode ser vista com o uso de luz ultravioleta, na parte inferior da CNH.

QR-Code

De acordo com a deliberação 153/2016 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o QR-Code (Quick Response Code) também será incorporado à nova CNH, a partir de Maio desse ano. Este código deverá armazenar todas as informações contidas nos dados variáveis do documento, bem como foto do condutor, fornecidos pelo sistema central do Registro Nacional de Condutores Habilitados (Renach).

Modelo antigo

Quem possui o modelo antigo não precisará trocar pelo novo, até o vencimento do documento. Contudo, os motoristas que vão receber a primeira permissão para dirigir, os que realizarão renovação da CNH ou a emissão de segunda via do documento – em casos como perda e roubo – receberão o novo modelo.

 

Compartilhe esta notícia